O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo não acerta uma. Depois de recentemente ter dito que enviou uma carta ao ministério da administração interna solicitando reforço de efectivos devido ao aumento da criminalidade violenta na cidade nos últimos meses e depois de não ter assumido que o excesso de multas de trânsito no centro urbano se deve aos regulamentos camarários, são agora conhecidos dois factos que, pelos vistos não interessam a certos redatores de “comunicados noticiosos” da cidade, mais entretidos com festarolas.

 

 

O Diário de Notícias (jornal que possui correspondente em Viana do Castelo) noticia que de acordo com o Relatório Anual de Segurança Interna, a que a Lusa teve acesso, «os distritos onde a criminalidade violenta e grave desceu, de acordo com o RASI, foram Lisboa, Castelo Branco, Guarda, Aveiro, Porto, Braga, Viana do Castelo e Faro». E os distritos de Faro, Lisboa, Coimbra, Castelo Branco, Aveiro, Viseu, Porto, Braga e Viana do Castelo registaram igualmente descidas nas participações às autoridades.

Sucede ainda que, depois de mais uma denúncia, a a maioria socialista que governa a autarquia decidiu que, na reunião da próxima segunda-feira irá alterar os regulamentos de trânsito e estacionamento. Coincidência? Não. Já são muitas seguidas…

Anúncios