Várias empresas de Viana do Castelo estão a servir de exemplo para a capacidade empreendedora portuguesa em apostar na internacionalização em tempo de crise como a Lacoviana, dedicada ao tratamento de lacagens de alumínio, está desde 2007 dedicada à oferta de um novo serviço – a anodização, tendo obtido a marca de qualidade em Abril de 2008, e a Metaloviana, fundada em 1982 com o objectivo de servir a construção naval, a manutenção industrial, dar apoio à construção civil e obras públicas.

 


Entretanto foram realçados nas últimas semanas, outras empresas de Viana do Castelo. É o caso da Enercon, a quem foi atribuído o prémio da prestigiada revista “Exame” no segmento de “Material Eléctrico e de Precisão”. Esta empresa líder no sector da energia eólica em Portugal, possui parcerias e parques eólicos pelos quatro cantos de Portugal, especialmente em Viana do Castelo, onde possui unidades fabris.

 

Também a Europa&Kraft Viana SA viu atribuída uma menção especial do Círculo de Empresários espanhol pelo seu mérito no processo de internacionalização a partir de Viana do Castelo. Trata-se de uma empresa líder no sector na Península Ibérica, dedicando-se à elaboração de papel, cartão canelado e embalagens. Actualmente, conta com trinta instalações industriais em Espanha, França e Portugal, possui um volume de negócios superior a 160 milhões e uma produção anual superior a 310 mil toneladas.

Recentemente, também a J. Canão, empresa vianense líder no desenvolvimento e implementação de soluções integradas inovadoras de gestão Portuária e Logística, viu ser-lhe renovada a sua certificação Rede PME Inovação COTEC, e também a Suavecel, empresa fundada em 1996 que se dedica à transformação de papel, nomeadamente papel higiénico, rolos de cozinha, lenços e guardanapos, começou a ocupar nas instalações da antiga Leoni, num sinal de grande dinamismo empresarial.

Anúncios